idutto- IoT na logística
Blog

HOME / BLOG

Integração de Dispositivos IoT e Principais Aplicações na Indústria

Integração de Dispositivos IoT

Hoje em dia a I-Dutto conta com uma linha de atuação onde os clientes podem chegar com uma demanda específica, por exemplo, Integração de Dispositivos IoT, onde ocorrerá o estudo para a customização de um dispositivo capaz de realizar a integração desse elemento desejado a escopo de atuação do ID-Ativos.

Essa customização pode variar de cliente para cliente, e também dentro dos setores de atuação (petróleo, gás, varejo, carga/descarga, automação, segurança, monitoramento). A I-Dutto se destaca dentro desse setor, com uma equipe especializada nessa função, onde já foram empregados diversos sistemas IoT integrados ao ID-Ativos.

Integração de Dispositivos IoT
Dispositivo Integrado com Sensor de Acelerômetro

Integração de Dispositivos IoT e Principais Aplicações na Indústria

A Internet Industrial das Coisas (IIoT) é o conjunto de sensores, instrumentos e dispositivos autônomos conectados via Internet a aplicações industriais. Essa rede permite gerar dados, realizar análises e otimizar a produção, visando assim o aumentando da eficiência e reduzindo os custos do processo de fabricação e prestação de serviços.

Diferentes aplicações do IIoT

As aplicações industriais estão se tornando ambientes cada vez mais tecnológicos completos que conectam máquinas, dispositivos e sensores a essa grande rede, onde na ponta existem pessoas que gerenciam os processos em linhas de montagem, logística ou distribuição em larga escala.

Benefícios da IoT na indústria

  • Menos custos: um dos benefícios da IoT na indústria é a redução de desperdícios, atrasos e falhas. Essa melhoria nos processos fabris provoca uma redução de custos, além de maior lucro. A IIoT também informa sobre a necessidade de manutenção nas máquinas, diminuindo o gasto com aquisição de novos equipamentos.
  • Tomada de decisões fundamentada: com a interconexão de todo o processo fabril, os executivos conseguem ter muitos dados relevantes. A partir da análise das informações, têm uma visão global do desempenho da indústria e podem tomar melhores decisões.
  • Menos acidentes: o controle das máquinas à distância, possibilitado pela IoT na indústria, aumenta a segurança dos colaboradores. Com a menor exposição ao risco, há menos acidentes. É um dos grandes benefícios da IoT na indústria.
  • Diagnósticos aprimorados: os sensores nas máquinas possibilitam detecção e análise de fatores internos e externos da produção. Isso permite uma análise mais completa do processo.
  • Controle da produção: a IIoT promove a comunicação das máquinas ao servidor central em tempo real. Isso traz maior controle da produção a partir dos dados fornecidos.

Características dos dispositivos IIoT

Os dispositivos IIoT podem ser necessários em uma ampla variedade de locais, independentemente do setor. Devido a isso, as principais características físicas desses tipos de dispositivos são tipicamente:

  • Equipamentos mais robustos, para operar em condições extremas sem quebrar, ou seja, suportar temperaturas altas ou abaixo de zero, resistentes ao desgaste e à água.
  • Dispositivos com maior autonomia por incluir baterias de grande capacidade e menor consumo de energia, devido ao custo de envio de um operador para manutenção ou à complexidade do acesso físico ao dispositivo. Ter os equipamentos conectados à rede permite monitorá-los, podendo assim observar e controlar remotamente a vida útil do dispositivo, verificar logs, fazer alterações na configuração ou atualizá-los.
  • Sistema de segurança próprio de dispositivos IIoT e com maior grau de robustez, pois um ciberataque pode ser fatal em uma infraestrutura crítica devido à interconectividade de suas redes.

Sensores IoT e suas Aplicações

Os sensores podem ser classificados com base em várias características, mas o critério de seleção mais importante é a magnitude ou métrica que eles leem. Para fornecer algumas ideias gerais, estas são as métricas mais comuns:

  • Temperatura
  • Umidade
  • Pressão
  • Níveis de depósito/acumulador
  • Fluxos de linha ou serviço
  • Presença/contagem de peças/embalagens/sacos
  • Tensão, consumo e potência elétrica
  • Proximidade
  • Brilho
  • Ruído

Outros sensores mais específicos são:

  • Acelerômetro
  • Giroscópio
  • Colisão
  • Deformação
  • Velocidade
  • Distância entre elementos de uma máquina/processo (GAP)
  • Gestão e tratamento de água

Gateway IoT e suas Aplicações

O gateway IoT é um dispositivo de tamanho compacto e robusto que transmite as informações dos dispositivos IoT para a nuvem. Ele é o elemento interligador entre os sensores IoT da aplicação com o ambiente WEB que fará a gestão, controle e processamento do sistema. Normalmente a comunicação do gateway ocorre através do meio de um Wi-Fi dedicado ou de infraestruturas de redes móveis, mas o método de transferência varia dependendo da arquitetura particular da IoT.

Como funciona um Gateway IoT

Principais Funções de um Gateway IoT

  • Comunicação com a Clound
  • Direcionar o Tráfego de Rede
  • Suporte de Vários Protocolos de Transferência de Dados
  • Segurança das Informações dos Sensores
  • Agregação e Pré-Processamento dos Dados
  • Segurança da Rede
  • Armazenamento Local de Dados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisar

Sumário

[banner=”rfid”]

Categorias

idutto- IoT na logística

Rastreabilidade & Telemetria

Digitalização de Processos com Movimentações de Materiais e Equipamentos

Contato

contato@idutto.com.br

Endereço:

Avenida Nossa Senhora da Glória 2987 CEP: 27920360 – Macaé, Rio de Janeiro

© Copyright 2022. Idutto. Todos os direitos reservados.

plugins premium WordPress